uma deliciosa viagem pelo oriente

macgulsEm plena baixa de Coimbra, junto à margem do rio Mondego, encontramos uma das melhores e mais interessantes opções culinárias desta cidade. A localização é perfeita e rodeada de fáceis acessos, transportes, bares e o rio como um mágico pano de fundo. O restaurante indo-paquistanês “MacGuls” possui um ambiente selectivo, decorado em tons de vermelho, agradável e bastante harmonioso. Logo à entrada somos surpreendidos e abraçados pelo incomparável e embriagante aroma do Oriente. Este perfume exótico é alcançado com uma mistura doseada de fragrâncias (jasmim, sândalo e rosas frescas), condimentos e pelo menos duas dezenas de especiarias (açafrão, coentros, paprika, noz-moscada, gengibre, hortelã, canela, cúrcuma, cardamomo, pimentas, sementes de mostarda, entre outras) que são utilizadas na preparação da receita sagrada, a massala. A sedução continua com a chegada das entradas – o pão tradicional com coentros, coco, sementes de sésamo e queijo – acompanhado de quatro peculiares molhos de cores magnéticas (verde menta, vermelho picante, castanho agridoce e amarelo adocicado). Em relação ao prato principal a escolha torna-se mais complicada, devido à enorme variedade e riqueza do menu apresentado. Desde pratos de carne, peixe ou vegetarianos mergulhados em molhos leves e sofisticados, moderados ou mais quentes e picantes, onde são realçados os sabores e aromas de cada especiaria utilizada. A nossa preferência, por enquanto, tem recaído nos pedaços de frango envolvidos numa cremosa mistura com sabor a menta, coco ou caril. Ambos acompanhados com o saboroso arroz de especiarias Pulau. Quando chegado o momento da sobremesa o bolo indiano é, sem qualquer dúvida, a melhor opção. Este é confeccionado em várias camadas, apresentando uma estrutura densa e sabor suavemente adocicado, com um ligeiro toque de especiarias. Dado tudo o que se disse neste texto, não é de admirar que os manjares únicos e inconfundíveis desta cozinha exótica sejam muito apreciados por estes lados e já sermos dois clientes regulares nas noites de sexta-feira, sempre rodeados dos melhores e gulosos amigos! Uma sugestão para as próximas noites, com uma visita aos bares nas docas de Coimbra após a refeição.

Este artigo foi (deliciosamente) elaborado em conjunto pelos autores do Nocturna e A Ovelha Negra.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s